Abertura do Mercado - 26 de Junho de 2019

08:23 26 de junho de 2019

Por Carla Maia Santos

Team Leader & Senior Broker

 

As bolsas abrem no vermelho com as declarações do presidente da FED, Powell e do presidente da FED de St. Louis, Bullard.

A expetativa dos investidores e analistas, depois do último discurso de Jerome Powell, da semana passada, era de corte das taxas de juro. Esta expetativa fez as bolsas seguirem uma tendência altista e o S&P500 atingir mesmo novos máximos históricos, atingindo uma valorização de cerca de 7%.

Mas eis que Powell, nas suas declarações de ontem, volta atrás no seu discurso dovish. Powell diz que 'estragos aumentam quando as políticas monetárias seguem os interesses políticos' e 'deve-se manter isolado das pressões políticas de curto-prazo' (tradução livre), isto depois de Trump ter dito que a FED já devia ter cortado as taxas em 50 pb. Também Bullard, um dos membros que se tem mostrado a favor do corte das taxas de juro, diz que a economia não precisa de um corte de 50 pb.

As expetativas dos investidores alteram-se completamente, depois destes dois discursos mais hawkish, levando a que tomem as mais-valias de junho e levando as bolsas a reagirem em baixa e o dólar a ganhar terreno face às outras moedas. Podemos ver agora as bolsas a perderem o timing positivo e aguardam agora pela reunião do G20, onde poderá haver ou não um acordo entre os EUA e a China.

O petróleo reage em alta depois dos stocks terem saído abaixo do esperado, levando a que a Galp também se mostre positiva no dia de hoje.

Os CTT, por outro lado, acabam por fazer um novo mínimo histórico, nesta manhã. A justificar este movimento está a falta de clareza dos dados apresentados à Anacom, sobre o serviço postal e bancário, dos CTT.

Declaração de Risco

A X-Trade Brokers Dom Maklerski S.A. não se responsabiliza por decisões de investimento que se baseiem em informações contidas nestes conteúdos. Nenhuma da informação aqui contida deverá ser entendida como recomendação de investimento, garantia de lucro ou de risco significativamente menor. Os investimentos baseados no uso de produtos derivados com alavancagem financeira são, por natureza, especulativos e poderão resultar tanto em lucros como perdas significativas, as quais poderão superar os montantes inicialmente depositados.

Partilhar:
Voltar

Os CFDs são PRIIPS, a sua compreensão poderá ser difícil e apresentam um elevado risco de perda rápida de dinheiro devido ao efeito de alavancagem. 77% das contas de investidores de retalho perdem dinheiro quando negoceiam CFDs com este fornecedor. Deve considerar se compreende como funcionam os CFDs e se pode correr o elevado risco de perda do seu dinheiro. X-Trade Brokers Dom Maklerski, S.A.

Os CFDs são PRIIPS, a sua compreensão poderá ser difícil e apresentam um elevado risco de perda rápida de dinheiro devido ao efeito de alavancagem. 77% das contas de investidores de retalho perdem dinheiro quando negoceiam CFDs com este fornecedor. Deve considerar se compreende como funcionam os CFDs e se pode correr o elevado risco de perda do seu dinheiro. X-Trade Brokers Dom Maklerski, S.A.

Os CFDs são PRIIPS, a sua compreensão poderá ser difícil e apresentam um elevado risco de perda rápida de dinheiro devido ao efeito de alavancagem. 77% das contas de investidores de retalho perdem dinheiro quando negoceiam CFDs com este fornecedor. Deve considerar se compreende como funcionam os CFDs e se pode correr o elevado risco de perda do seu dinheiro. X-Trade Brokers Dom Maklerski, S.A.

×