Valor do Pip e Margem

5 minuto(s)

Uma das primeiras decisões que terá de tomar como trader no início da sua jornada de trading consiste em escolher o volume de trading que pretende aplicar às suas posições. Uma coisa é identificar tendências e apontar oportunidades de trading. Mas quanto dinheiro deverá usar em cada posição?

 

Nesta aula, vai aprender:

  • O que é a margem e o seu papel na gestão de risco
  • O papel do volume no trading e na gestão de risco
  • Como calcular o valor de um único pip
     

Uma das primeiras decisões que terá de tomar como trader no início da sua jornada de trading consiste em escolher o volume de trading que pretende aplicar às suas posições. Uma coisa é identificar tendências e apontar oportunidades de trading. Mas quanto dinheiro deverá usar em cada posição?

Escolher o volume de trading depende de muitos fatores psicológicos como o conforto emocional e a aversão ao risco, mas a escolha do volume de trading vai também estar relacionada com a gestão de risco que pretenda aplicar. Por outras palavras, é crucial perceber como o volume de trading o pode afetar, porque o volume que escolher vai determinar tanto a sua margem por negociação como o valor de cada pip.

Margem

Quando abre uma posição, precisa de algum desembolso, conhecido por margem. A margem não é um custo, mas sim uma quantidade de dinheiro que é congelada quando abre uma posição e que lhe é devolvida quando a transação é fechada. É importante saber que quantidade está incluída nessa margem para poder avaliar o risco em si e calcular se os restantes fundos lhe dão a possibilidade de abrir outras posições.

Lembre-se que com CFDs, apenas precisa de uma fração desse valor nominal para poder abrir uma posição. Por exemplo, com uma alavancagem de 1:30, só precisaria de 3.33% do valor nominal para a margem da transação. Isto faz com que o capital investido possa gerar um maior retorno, mas também aumenta o risco.

Imaginemos que gostaria de abrir uma transação de 1 lote no par GBP/USD com uma alavancagem de 1:30, mas não sabe qual é o valor nominal por lote desse instrumento. Esta informação encontra-se na tabela de especificações do instrumento.

No par GBP/USD, o valor nominal de cada lote é 100.000£. Se a alavancagem é de 1:30, apenas precisa de 3.33% para a margem desta negociação, calculada na moeda base do par. Como tal, só precisaria de  3.330£ de margem para uma transação de 1 lote.

Do ponto de vista da gestão de risco, a margem é muito importante e aplica-se a noção geral de que os traders não devem abrir negociações com uma margem superior a 30% do capital investido total.

Voltando ao exemplo acima: se o seu capital inicial for 10.000£ e quiser abrir uma transação de 1 lote, isso irá representar 33.3% do seu capital total porque a margem requerida para uma alavancagem de 1:30 seria de 3.330£. É importante que antes de abrir posição avalie qual será a sua margem máxima e não feche os olhos às regras que decidiu para si mesmo. É muito importante seguir regras rígidas de gestão de risco para ter sucesso nos mercados financeiros.

Valor do pip

O segundo fator que vai ser influenciado pelo tamanho do volume é o valor do pip. No processo de investimento, é muito importante saber quanto vale cada pip, especialmente se for para efeitos de gestão de risco. Deve saber como o seu portfolio ficaria afetado se o mercado oscilar 100 pips a seu favor ou 100 pips contra si.

Para calcular o valor do pip, pode novamente utilizar a tabela de especificações de instrumento.

Para calcular o valor do pip por 1 lote, terá de multiplicar o “Valor nominal de um lote” pela “Dimensão de um PIP” e o valor será referido na moeda cotada:

100000 x 0,0001 = 10 USD

Isto significa que se abrir uma transação de 1 lote no par GBP/USD e o mercado oscilar 100 pips a seu favor, lucraria 1.000$ (10 USD x 100 pips). Por outro lado, se o mercado não oscilar a seu favor, sofreria uma perda de 1.000$. Este cálculo ajuda-o a avaliar a que nível de mercado se encontraria o prejuízo máximo que considera aceitável, e onde poderia adicionar uma ordem de Stop Loss.

A ideia geral é de que não deve arriscar mais que 5% do seu capital total numa posição. Isto porque o trading é baseado em probabilidades; deverá, por isso, tornar possível que a sua estratégia seja avaliada, a fim de identificar se tem uma maior probabilidade de ter sucesso em vez de sair derrotado.

Se abrir uma transação de 1 lote no par GBP/USD onde o valor de um pip são 10£, e se seguir a regra de não aceitar uma perda maior que 5% do seu capital total – que no caso são 5.000£ -, a perda máxima que vai aceitar são 250£, o que equivale a aproximadamente 380$.

Se souber que 1 pip vale 10$ e que o máximo de perdas que pode aceitar são 380$, então dividindo 380$ por 10, o seu nível de Stop Loss fica definido nos 38 pips.

Faça uma correta gestão de risco:

Como visto acima, tanto o valor do pip como a margem são de enorme importância para o trading. Escolher a melhor dimensão para a sua posição é uma parte vital do investimento, pois pode fazer com que se torne mais fácil ou mais difícil gerir a sua posição depois de ter aberto uma negociação. Mais ainda, o valor do pip e a margem são também importantes do ponto de vista do risco: se a sua negociação for demasiado grande, qualquer pequeno movimento o pode eliminar. É por isso que é tão importante perceber ambos estes conceitos a fim de que as suas negociações possam ser mais lucrativas e responsáveis.

Este material é uma comunicação de marketing na aceção do artigo 24.º, n.º 3, da Diretiva 2014/65 / UE do Parlamento Europeu e do Conselho, de 15 de maio de 2014, sobre os mercados de instrumentos financeiros e que altera a Diretiva 2002/92 / CE e Diretiva 2011/61/ UE (MiFID II). A comunicação de marketing não é uma recomendação de investimento ou informação que recomenda ou sugere uma estratégia de investimento na aceção do Regulamento (UE) n.º 596/2014 do Parlamento Europeu e do Conselho de 16 de abril de 2014 sobre o abuso de mercado (regulamentação do abuso de mercado) e revogação da Diretiva 2003/6 / CE do Parlamento Europeu e do Conselho e das Diretivas da Comissão 2003/124 / CE, 2003/125 / CE e 2004/72 / CE e do Regulamento Delegado da Comissão (UE ) 2016/958 de 9 de março de 2016 que completa o Regulamento (UE) n.º 596/2014 do Parlamento Europeu e do Conselho no que diz respeito às normas técnicas regulamentares para as disposições técnicas para a apresentação objetiva de recomendações de investimento, ou outras informações, recomendação ou sugestão de uma estratégia de investimento e para a divulgação de interesses particulares ou indicações de conflitos de interesse ou qualquer outro conselho, incluindo na área de consultoria de investimento, nos termos do Código dos Valores Mobiliários, aprovado pelo Decreto-Lei n.º 486/99, de 13 de Novembro. A comunicação de marketing é elaborada com a máxima diligência, objetividade, apresenta os factos do conhecimento do autor na data da preparação e é desprovida de quaisquer elementos de avaliação. A comunicação de marketing é elaborada sem considerar as necessidades do cliente, a sua situação financeira individual e não apresenta qualquer estratégia de investimento de forma alguma. A comunicação de marketing não constitui uma oferta ou oferta de venda, subscrição, convite de compra, publicidade ou promoção de qualquer instrumento financeiro. A XTB, S.A. - Sucursal em Portugal não se responsabiliza por quaisquer ações ou omissões do cliente, em particular pela aquisição ou alienação de instrumentos financeiros. A XTB não aceitará a responsabilidade por qualquer perda ou dano, incluindo, sem limitação, qualquer perda que possa surgir direta ou indiretamente realizada com base nas informações contidas na presente comunicação comercial. Caso o comunicado de marketing contenha informações sobre quaisquer resultados relativos aos instrumentos financeiros nela indicados, estes não constituem qualquer garantia ou previsão de resultados futuros. O desempenho passado não é necessariamente indicativo de resultados futuros, e qualquer pessoa que atue com base nesta informação fá-lo inteiramente por sua conta e risco.

Os CFD são instrumentos complexos e apresentam um elevado risco de perda rápida de dinheiro devido ao efeito de alavancagem. 81% das contas de investidores não profissionais perdem dinheiro quando negoceiam CFD com este distribuidor. Deve considerar se compreende como funcionam os CFD e se pode correr o elevado risco de perda do seu dinheiro.

Os CFD são instrumentos complexos e apresentam um elevado risco de perda rápida de dinheiro devido ao efeito de alavancagem. 81% das contas de investidores não profissionais perdem dinheiro quando negoceiam CFD com este distribuidor. Deve considerar se compreende como funcionam os CFD e se pode correr o elevado risco de perda do seu dinheiro.