Destaques da manhã, por Henrique Tomé - 04/08/2021

04:49 4 de agosto de 2021

Mercado Norte Americano

Os índices norte-americanos terminaram as negociações de ontem em alta. O índice S&P 500 registou ganhos na ordem dos 0,82%, Dow Jones valorizou 0,80%, Nasdaq valorizou cerca de 0,55% e Russell 2000 também terminou a sessão em terreno positivo, valorizando cerca de 0,36%.

Os Estados Unidos enviaram um navio de guerra para acompanharem de perto o petroleiro sequestrado na costa dos Emirados Árabes Unidos.

 

Mercado Asiático

Durante a sessão asiática, os principais índices de referência também retomaram os ganhos. Com o  S&P/ASX 200, Kospi e indies chineses a valorizarem, enquanto que o Nikkei terminou a sessão em terreno negativo.

 

Indicadores económicos divulgados:

  • O NZD recupera ligeiramente após a divulgação dos dados sólidos sobre o mercado laboral no país durante o 2º trimestre de 2021. O emprego aumentou 1% no último trimestre (exp. 0,7% no trimestre), enquanto que a taxa de desemprego caiu de 4,7% para 4,0% (exp. 4,5%)

  • Os dados das vendas a retalho australianas para junho mostraram uma queda de 1,8% em termos mensais, mas saíram em linha com as previsões dos analistas

  • O índice PMI de serviços chinês passou de 50,3 pts para 54,9 pts em julho (exp. 50,6)

Mercado Europeu

Os futuros do DAX começaram as negociações em alta e os ganhos prolongaram-se durante a abertura do mercado europeu

 

Mercado cambial, Criptomoedas & Matérias-primas

Bitcoin continua a corrigir em baixa e aproxima-se da marca dos 38.000$.

No lado das matérias-primas, os metais preciosos seguem em terreno positivo, enquanto que o petróleo recua e os metais industriais seguem mistos.

O relatóriodo  API apontou para uma queda de 88 mil barris nos inventários de petróleo (exp. -2,0 mb)

Por fim, mas não menos importante, no mercado cambial, o NZD regista o melhor desempenho, enquanto que o CHF e o USD registam pior desempenho entre os majors.

NZDUSD reagiu em alta após a divulgação dos dados sobre o mercado laboral na Nova Zelândia. O par reagiu em alta junto da zona de resistência marcada pelos 0,7020 e continuou a valorizar até atingir os níveis da retração de Fibonacci de 38,2%.  Fonte: xStation5

Partilhar:
Voltar

Forex e CFDs são produtos alavancados e podem resultar em perdas que excedem seus depósitos. Por favor, certifique-se de entender completamente todos os riscos. Esta página não foi criada para investidores residentes no Brasil. Esta corretora não é autorizada pela Comissão de Valores Mobiliários ("CVM"), mas é regulada por supervisores fora do Brasil. O conteúdo desta página não é caracterizado como uma oferta de investimento no Brasil ou para investidores residentes nesse país.

As perdas podem exceder os depósitos