ūü•á Ouro volta a testar zona suporte ‚öĒ

06:58 20 de novembro de 2020

‚ĚĒ Ser√° que o ouro tem for√ßa para continuar a valorizar?

O ouro tem estado sob pressão ultimamente, principalmente devido ao “otimismo da vacina” fez com que os investidores voltassem a olhar para ativos mais arriscados, deixando assim os ativos de refúgio de parte, como o ouro.

Enquanto esta pressão estiver sob o preço do ouro, a possibilidade de surgir uma correção mais profunda no curto-prazo não pode ser descartada. Para que isso não aconteça, o preço tem de continuar a rejeitar a zona de suporte localizada nos $ 1850 - últimamente, esta zona tem servido como impulsionador do preço, mas há uma advertência: EURUSD tem estado a testar uma zona forte de resistência e se ocorrer uma recuperação do USD, então poderá surgir um novo movimento de baixa no EUR/USD de forma mais expressiva.

Desta forma, a atenção dos investidores deverá ir para o ouro para perceber o comportamento do preço nestes próximos dias.

Partilhar:
Voltar

Negociar CFDs em uma base alavancada envolve uma quantidade significativa de risco. Eles podem n√£o ser adequados para todos, por isso, certifique-se de entender completamente todos os riscos. Esta p√°gina n√£o foi criada para investidores residentes no Brasil. Esta corretora n√£o √© autorizada pela Comiss√£o de Valores Mobili√°rios ("CVM"), mas √© regulada por supervisores fora do Brasil. O conte√ļdo desta p√°gina n√£o √© caracterizado como uma oferta de investimento no Brasil ou para investidores residentes nesse pa√≠s.

Forex e CFDs s√£o produtos alavancados e podem resultar em perdas que excedem seus dep√≥sitos. Por favor, certifique-se de entender completamente todos os riscos. Esta p√°gina n√£o foi criada para investidores residentes no Brasil. Esta corretora n√£o √© autorizada pela Comiss√£o de Valores Mobili√°rios ("CVM"), mas √© regulada por supervisores fora do Brasil. O conte√ļdo desta p√°gina n√£o √© caracterizado como uma oferta de investimento no Brasil ou para investidores residentes nesse pa√≠s.

As perdas podem exceder os depósitos

×