EasyJet decide reduzir o número de viagens

16:26 20 de junho de 2022

A EasyJet (EZJ.UK) anunciou hoje planos para reduzir vários voos durante o período Julho-Setembro devido a problemas de capacidade e escassez de mão-de-obra nos aeroportos de Amesterdão e Londres Gatwick, que são as principais bases da empresa. O grupo britânico pretende atingir 90% da sua capacidade pré-pandémica durante o período de Verão, representando uma queda significativa em comparação com a previsão do mês passado de 97%, que teria sido de cerca de 160.000 voos.

  • O CEO da empresa Johan Lundgren acredita que reduzir agora o horário minimizaria os cancelamentos de última hora que tiveram um maior impacto nos clientes.
  • "É necessário reforçar a resiliência do horário de voo este Verão, cancelando proactivamente uma série de voos, proporcionando aos clientes um aviso prévio e opções de reacomodação", disse Lundgren.
  • Apesar desta notícia negativa, espera-se agora que as companhias aéreas globais registem um prejuízo de 9,7 mil milhões de dólares em 2022, uma melhoria significativa em relação a um prejuízo revisto de 42,1 mil milhões de dólares em 2021, anunciou hoje a Associação do Transporte Aéreo Internacional (IATA), e poderá registar alguns lucros em 2023.
  • Muitas das principais companhias aéreas continuam com dificuldades devido aos elevados níveis de endividamento e devido ao aumento dos preços dos combustíveis, o que afecta negativamente os lucros. Willie Walsh, director-geral da IATA, disse que as políticas governamentais confusas tinham agravado a perturbação vista particularmente na Europa à medida que os voos recomeçavam. "O custo da má gestão governamental foi substancial. Destruiu as economias, perturbou as cadeias de abastecimento e destruiu postos de trabalho", disse Walsh. 
  • Durante a pandemia, as companhias aéreas e os aeroportos foram obrigados a despedir trabalhadores que estão agora a encontrar outro emprego, e muitos deles não tencionam regressar ao seu empregador anterior, o que resultou em escassez de mão-de-obra. O número de reservas de voos nos próximos meses aumentou, mas o espectro da recessão e os problemas com os trabalhadores tornam o futuro deste sector incerto a longo prazo.

O número de voos está a aumentar, no entanto ainda se mantém muito abaixo dos níveis pré-pandémicos. Fonte: Statista.comAs ações da EasyJet (EZJ.UK) caíram recentemente para mínimos dos últimos 20 meses. Na segunda-feira o preço das ações caíram cerca de 3%, no entanto os vendedores não conseguiram quebrar abaixo da zona de suporte nos 4,18. Fonte: xStation5

Comece a investir hoje ou teste gratuitamente uma conta demo

Abrir Conta Real TESTAR A DEMO Download mobile app Download mobile app

Declaração de Risco

A XTB S.A. não se responsabiliza por decisões de investimento que se baseiem em informações contidas nestes conteúdos. Nenhuma da informação aqui contida deverá ser entendida como recomendação de investimento, garantia de lucro ou de risco significativamente menor. Os investimentos baseados no uso de produtos derivados com alavancagem financeira são, por natureza, especulativos e poderão resultar tanto em lucros como perdas significativas. Esteja ciente de que dados de desempenho anteriores não são um indicador fiável de desempenho futuro.

Partilhar:
Voltar

Os CFD são instrumentos complexos e apresentam um elevado risco de perda rápida de dinheiro devido ao efeito de alavancagem. 79% das contas de investidores não profissionais perdem dinheiro quando negoceiam CFD com este distribuidor. Deve considerar se compreende como funcionam os CFD e se pode correr o elevado risco de perda do seu dinheiro.

Os CFD são instrumentos complexos e apresentam um elevado risco de perda rápida de dinheiro devido ao efeito de alavancagem. 79% das contas de investidores não profissionais perdem dinheiro quando negoceiam CFD com este distribuidor. Deve considerar se compreende como funcionam os CFD e se pode correr o elevado risco de perda do seu dinheiro.