Destaques da manhã, por Henrique Tomé - 23/06/2022

08:34 23 de junho de 2022
  • Os índices dos EUA ainda tentaram retomar os ganhos durante a sessão de ontem, mas acabaram por terminar o dia em terreno negativo. O S&P 500 caiu 0,13%, o Dow Jones e o Nasdaq caíram cerca de 0,15% e o Russell 2000 caiu mais de 0,22%.
  • Os índices da região Ásia-Pacífico estiveram a ser negociados em alta durante esta madrugada. O Nikkei ganhou 0,2%, S&P/ASX 200 valorizou 0,5% enquanto os índices da China registaram ganhos na ordem dos 0,2-1,4%.Por outro lado, o  Kospi foi o único que registou quedas, caindo cerca de 0,5%.
  • No lado europeu, o índice alemão está a ser negociado em baixa, apesar do bom desempenho dos pares asiáticos esta madrugada
  • De acordo com o relatório da Reuters, os líderes do G7 irão discutir questões energéticas e alimentares durante a próxima reunião, bem como formas de aumentar a pressão sobre a Rússia
  • Credit Suisse diz que os atuais estímulos fiscais na China que podem ultrapassar os 1,5 triliões de dólares em despesas com infra-estruturas e que terá um grande impacto na economia global, especialmente em parceiros comerciais chineses como a Austrália
  • O Citi aponta para a possibilidade 50% dos EUA entrarem em recessão, uma vez que taxas de juro mais elevadas e uma inflação elevada estão a colocar entraves aos gastos dos consumidores e à produção económica
  • O PMI japonês industrial caiu de 53,3 para 52,7 em Junho (exp. 53,5)
  • O PMI industrial australiano aumentou de 55,7 para 55,8 em Junho
  • O relatório do API mostrou um aumento de 5,61 milhões de barris nos inventários de petróleo dos EUA (exp. -1,35 mb)
  • O petróleo continua a desvalorizar durante esta sessão. No entanto, essas perdas já foram recuperadas e agora o Brent e o WTI está a ser negociado de forma estável
  • As criptomoedas estão hoje a recuperar, depois da última sessão ter sido francamente fraca. A Bitcoin segue a valorizar 2% e retorna acima dos $20.000
  • No lado dos metais preciosos, estes seguem mistos-  ouro e prata recuam, enquanto o paládio e a platina sobem
  • O EUR e o JPY são as moedas com melhor desempenho, enquanto o AUD e o NZD são as moedas que mais recuam

O WTI (OIL.WTI) aprofundou as quedas durante a sessão asiática, na sequência da divulgação dos dados do relatório do API. No entanto, os compradores conseguiram recuperar e neste momento o petróleo está a ser negociado de forma estável. Fonte: xStation5

Este material é uma comunicação de marketing na aceção do artigo 24.º, n.º 3, da Diretiva 2014/65 / UE do Parlamento Europeu e do Conselho, de 15 de maio de 2014, sobre os mercados de instrumentos financeiros e que altera a Diretiva 2002/92 / CE e Diretiva 2011/61/ UE (MiFID II). A comunicação de marketing não é uma recomendação de investimento ou informação que recomenda ou sugere uma estratégia de investimento na aceção do Regulamento (UE) n.º 596/2014 do Parlamento Europeu e do Conselho de 16 de abril de 2014 sobre o abuso de mercado (regulamentação do abuso de mercado) e revogação da Diretiva 2003/6 / CE do Parlamento Europeu e do Conselho e das Diretivas da Comissão 2003/124 / CE, 2003/125 / CE e 2004/72 / CE e do Regulamento Delegado da Comissão (UE ) 2016/958 de 9 de março de 2016 que completa o Regulamento (UE) n.º 596/2014 do Parlamento Europeu e do Conselho no que diz respeito às normas técnicas regulamentares para as disposições técnicas para a apresentação objetiva de recomendações de investimento, ou outras informações, recomendação ou sugestão de uma estratégia de investimento e para a divulgação de interesses particulares ou indicações de conflitos de interesse ou qualquer outro conselho, incluindo na área de consultoria de investimento, nos termos do Código dos Valores Mobiliários, aprovado pelo Decreto-Lei n.º 486/99, de 13 de Novembro. A comunicação de marketing é elaborada com a máxima diligência, objetividade, apresenta os factos do conhecimento do autor na data da preparação e é desprovida de quaisquer elementos de avaliação. A comunicação de marketing é elaborada sem considerar as necessidades do cliente, a sua situação financeira individual e não apresenta qualquer estratégia de investimento de forma alguma. A comunicação de marketing não constitui uma oferta ou oferta de venda, subscrição, convite de compra, publicidade ou promoção de qualquer instrumento financeiro. A XTB, S.A. - Sucursal em Portugal não se responsabiliza por quaisquer ações ou omissões do cliente, em particular pela aquisição ou alienação de instrumentos financeiros. A XTB não aceitará a responsabilidade por qualquer perda ou dano, incluindo, sem limitação, qualquer perda que possa surgir direta ou indiretamente realizada com base nas informações contidas na presente comunicação comercial. Caso o comunicado de marketing contenha informações sobre quaisquer resultados relativos aos instrumentos financeiros nela indicados, estes não constituem qualquer garantia ou previsão de resultados futuros. O desempenho passado não é necessariamente indicativo de resultados futuros, e qualquer pessoa que atue com base nesta informação fá-lo inteiramente por sua conta e risco.

Partilhar:
Voltar

Os CFD são instrumentos complexos e apresentam um elevado risco de perda rápida de dinheiro devido ao efeito de alavancagem. 79% das contas de investidores não profissionais perdem dinheiro quando negoceiam CFD com este distribuidor. Deve considerar se compreende como funcionam os CFD e se pode correr o elevado risco de perda do seu dinheiro.

Os CFD são instrumentos complexos e apresentam um elevado risco de perda rápida de dinheiro devido ao efeito de alavancagem. 79% das contas de investidores não profissionais perdem dinheiro quando negoceiam CFD com este distribuidor. Deve considerar se compreende como funcionam os CFD e se pode correr o elevado risco de perda do seu dinheiro.