Negociar índices – como funciona o índice da bolsa de valores?

Tópicos relacionados:
Tempo estimado de leitura: 9 minuto(s)
Os índices bolsistas servem uma série de objetivos nos mercados financeiros mundiais. Geralmente ajudam os investidores a avaliar o estado dos mercados e a comparar o retorno de determinados investimentos. As empresas de corretagem e as bolsas de valores também oferecem instrumentos financeiros que refletem os movimentos de preços de determinados índices de referência de ações. Isto torna os índices cruciais não só devido ao seu papel informativo, como também graças à sua finalidade de investimento.

Os índices bolsistas servem uma série de objetivos nos mercados financeiros mundiais. Geralmente ajudam os investidores a avaliar o estado dos mercados e a comparar o retorno de determinados investimentos. As empresas de corretagem e as bolsas de valores também oferecem instrumentos financeiros que refletem os movimentos de preços de determinados índices de referência de ações. Isto torna os índices cruciais não só devido ao seu papel informativo, como também graças à sua finalidade de investimento. Neste artigo tentaremos explicar o que são índices de ações e como aproveitá-los enquanto se investe na bolsa de valores. 

Do que se trata um índice bolsista?

Antes de mais nada: o que é um índice? Um índice bolsista, ou apenas um índice de ações, é basicamente uma ferramenta que mede determinado setor (ou conjuntos de setores) que estão cotados em bolsa. Por outras palavras, é um método para acompanhar o desempenho de um grupo de ativos de uma forma padronizada, uma vez que o índice pode replicar uma determinada bolsa de valores, setor, segmento geográfico, ou qualquer outra área do mercado. Estes índices de referência estão a ser desenvolvidos de forma transparente e os métodos da sua construção estão especificados. Obviamente, existem também índices que se referem ao mercado de obrigações, mercadorias ou taxas de juro, no entanto, neste artigo vamos concentrar-nos apenas nos índices de ações. 

A sua composição pode variar significativamente, uma vez que os índices podem ser baseados em métodos diferentes (por exemplo, ponderação da capitalização bolsista, ponderação da capitalização bolsista ajustada ao free-float ou ponderação igual). No entanto, a ideia central permanece a mesma - um índice bolsista é um conjunto de ações que reproduz os movimentos dos preços dos títulos agrupados. 

A importância dos índices bolsistas

Os índices de ações são extremamente importantes para os mercados financeiros mundiais. Antes de mais, ajudam os investidores a avaliar os resultados do mercado de ações - diariamente, semanalmente, mensalmente, etc. Desta forma, os participantes no mercado são realmente capazes de determinar o sentimento do mercado e comparar diferentes mercados bolsistas. Os índices servem também como referências de ações, uma vez que os fundos geridos ativamente os utilizam para comparar o desempenho dos fundos. Os índices de ações são frequentemente associados aos termos "negociação de índices" ou "investimento em índices". Ambos os conceitos têm ganho importância nos últimos anos. A ascensão dos fundos de índices e ETFs ganhou muitos entusiastas, uma vez que é uma solução de baixo custo que proporciona benefícios de diversificação. Explicamos a ideia de diversificação no nosso artigo intitulado Diversificação do portfólio - como pode diversificar o seu portfólio de trading?. Por outro lado, a negociação de índices pode referir-se aos CFDs - um instrumento que pode ser útil tanto para fins especulativos como de cobertura.  

Principais índices mundiais

Depois de termos explicado o significado dos índices de ações e a sua importância para os mercados globais, é agora altura de mencionar vários índices mundiais importantes. Como pode imaginar, os investidores prestam principalmente atenção aos índices das economias desenvolvidas, uma vez que esses índices de referência reflectem o sentimento do mercado nas principais bolsas de valores, inclusive: New York Stock Exchange (NYSE), Nasdaq, London Stock Exchange (LSE), Euronext ou Shanghai Stock Exchange (SSE). A XTB oferece uma vasta gama de CFDs sobre índices. De seguida, apresentamos os índices mais relevantes:

  • US30 – índice composto pelas 30 maiores empresas cotadas nos Estados Unidos na NYSE ou na NASDAQ.
  • US500 – índice composto pelas 500 maiores empresas dos Estados Unidos. É frequentemente considerado um barómetro do desempenho global da bolsa de valores. O índice é uma referência comum no que diz respeito ao desempenho das carteiras ativas.
  • US100 – índice composto pelas 100 maiores empresas do setor tecnológico cotadas na bolsa de valores NASDAQ. 
  • UK100 – índice composto por 100 empresas cotadas na Bolsa de Londres com a maior capitalização bolsista. 
  • EU50 – índice que consiste nas 50 maiores e mais líquidas empresas da zona Euro. É dominado por empresas da França e Alemanha. 
  • JAP225 – índice composto pelas 225 maiores empresas cotadas no Japão.
  • HKComp – índice que mede o desempenho das ações cotadas na Bolsa de Hong Kong.
  • AUS200 - índice composto pelas 200 maiores empresas cotadas na Austrália.

Esteja ciente de que os dados apresentados referem-se aos dados de desempenho passados e não são indicadores confiáveis de desempenho futuro.

Negociar índices através de CFDs 

Em primeiro lugar, deve notar-se que, em teoria, um índice não pode ser comprado ou vendido diretamente, uma vez que os índices de ações são apenas indicadores (pontos de referência) que se movem de acordo com as ações detidas no seu interior. Contudo, existem muitos instrumentos financeiros que refletem as variações dos preços dos principais índices mundiais, por exemplo, futuros, opções, ETFs, CFDs ou fundos de índice. É por isso que termos como "investimento em índices" ou "trading de índices" são frequentemente utilizados em situações quotidianas.  

Os contratos por diferença (CFDs) são normalmente utilizados para fins especulativos e de cobertura. Esses contratos têm muitas vantagens tais como: elevada liquidez, baixas barreiras à entrada e baixos custos de transacção, fins de diversificação, longas horas de mercado, a capacidade de ir longo ou curto com alavancagem. Obviamente, é preciso lembrar que os CFDs estão associados a um risco mais elevado, uma vez que a negociação alavancada pode potencialmente amplificar quer os ganhos quer as perdas. Isto não altera o facto de que a venda a descoberto implementa mais flexibilidade e permite muitas estratégias úteis. Aprenderá mais sobre a negociação a descoberto no nosso artigo intitulado Short selling – O que é a venda a descoberto?

Atualmente os CFDs servem na sua maioria para fins especulativos. Os traders podem simplesmente abrir posições longas a fim de tirar partido da subida de preços, ou abrir posições curtas e beneficiar da descida de preços. A utilização de alavancagem pode potencialmente amplificar quer os ganhos, quer as perdas. A negociação de índices pode fazer parte de estratégias diferentes - por exemplo, a crença de que os pequenos limites excederão as ações blue chip (então os investidores devem entrar em posições longas num índice pequeno limite) ou uma suposição de que uma certa bolsa de valores cairá, por exemplo, devido a razões geopolíticas (então os investidores devem encurtar o índice do país em questão).

Esteja ciente de que os dados apresentados referem-se aos dados de desempenho passados e não são indicadores confiáveis de desempenho futuro.

A plataforma xStation 5 da XTB dá-lhe toda a informação essencial sobre CFDs para os principais índices mundiais. Fonte: xStation 5

Esteja ciente de que os dados apresentados referem-se aos dados de desempenho passados e não são indicadores confiáveis de desempenho futuro.

Os CFDs são instrumentos alavancados, o que significa que os investidores podem ganhar exposição ao mercado utilizando um montante relativamente pequeno. Por outras palavras, os investidores não precisam de possuir grandes quantias de dinheiro para começar a investir. Neste caso (DE30 no gráfico acima) a alavancagem é de 1:20, o que significa que a margem necessária ascende a 5% do valor do contrato. No entanto, há que ter em mente que os CFDs também estão associados a um risco mais elevado, uma vez que a negociação alavancada pode potencialmente amplificar quer os ganhos quer as perdas. Fonte: xStation 5

Para além dos fins especulativos, os CFDs servem várias estratégias de cobertura de risco. Imaginemos que um investidor é proprietário de várias ações americanas que são cotadas no índice S&P 500. A carteira tem um valor aproximado de 20.000 USD. Um investidor suspeita de que uma correcção do mercado está a aproximar-se (por exemplo, há muita incerteza sobre uma pandemia ou algum conflito geopolítico), mas não quer vender essas ações. A fim de cobrir o risco da sua carteira, o investidor pode recorrer aos CFDs que refletem as variações de preços do S&P 500 (o pressuposto chave é que o investidor possua pelo menos várias ações diferentes que estão positivamente correlacionadas com o índice de ações). 

A abertura de uma posição curta vai atenuar as quedas da sua carteira de ações. Neste caso, um investidor poderá querer usar uma calculadora de índice para avaliar a dimensão de uma posição necessária para cobrir a carteira: 0,10 lotes corresponde a cerca de 20.000 USD. Agora, no caso das ações da carteira descerem, o investidor irá beneficiar de uma posição curta de CFD. Como regra geral, a carteira de ações será coberta.

Também vale a pena mencionar que a negociação através de CFDs envolve rollovers. É crucial compreender que a maioria dos CFDs de índices são baseados em preços de contratos futuros. Para cada mercado existe normalmente uma longa lista de contratos de futuros com diferentes datas de validade que vão desde um mês até muitos anos no futuro e o volume mais alto está normalmente no contrato mais próximo. Quando o atual contrato ativo expira, os investidores de futuros precisam de abrir outro contrato de futuros. Contudo, os investidores de CFDs não precisam tomar quaisquer medidas, uma vez que o rollover ocorre automaticamente. Em resumo, um rollover é uma operação técnica que move a posição do investidor para o próximo contrato disponível - o processo é livre de custos e neutro em termos de lucro do ponto de vista do investidor. Certamente que aprenderá mais sobre os rollovers no nosso artigo intitulado 5 coisas que precisa de saber sobre rollovers!

Em suma

Resumindo, a negociação de índices pode ser uma ferramenta muito útil que os investidores devem definitivamente estar atentos. Apesar de ser um método arrojado no qual envolve riscos devido à utilização da alavancagem, também poderá ser uma boa solução para cobrir o risco da carteira de investimento.

Este material é uma comunicação de marketing na aceção do artigo 24.º, n.º 3, da Diretiva 2014/65 / UE do Parlamento Europeu e do Conselho, de 15 de maio de 2014, sobre os mercados de instrumentos financeiros e que altera a Diretiva 2002/92 / CE e Diretiva 2011/61/ UE (MiFID II). A comunicação de marketing não é uma recomendação de investimento ou informação que recomenda ou sugere uma estratégia de investimento na aceção do Regulamento (UE) n.º 596/2014 do Parlamento Europeu e do Conselho de 16 de abril de 2014 sobre o abuso de mercado (regulamentação do abuso de mercado) e revogação da Diretiva 2003/6 / CE do Parlamento Europeu e do Conselho e das Diretivas da Comissão 2003/124 / CE, 2003/125 / CE e 2004/72 / CE e do Regulamento Delegado da Comissão (UE ) 2016/958 de 9 de março de 2016 que completa o Regulamento (UE) n.º 596/2014 do Parlamento Europeu e do Conselho no que diz respeito às normas técnicas regulamentares para as disposições técnicas para a apresentação objetiva de recomendações de investimento, ou outras informações, recomendação ou sugestão de uma estratégia de investimento e para a divulgação de interesses particulares ou indicações de conflitos de interesse ou qualquer outro conselho, incluindo na área de consultoria de investimento, nos termos do Código dos Valores Mobiliários, aprovado pelo Decreto-Lei n.º 486/99, de 13 de Novembro. A comunicação de marketing é elaborada com a máxima diligência, objetividade, apresenta os factos do conhecimento do autor na data da preparação e é desprovida de quaisquer elementos de avaliação. A comunicação de marketing é elaborada sem considerar as necessidades do cliente, a sua situação financeira individual e não apresenta qualquer estratégia de investimento de forma alguma. A comunicação de marketing não constitui uma oferta ou oferta de venda, subscrição, convite de compra, publicidade ou promoção de qualquer instrumento financeiro. A XTB, S.A. - Sucursal em Portugal não se responsabiliza por quaisquer ações ou omissões do cliente, em particular pela aquisição ou alienação de instrumentos financeiros. A XTB não aceitará a responsabilidade por qualquer perda ou dano, incluindo, sem limitação, qualquer perda que possa surgir direta ou indiretamente realizada com base nas informações contidas na presente comunicação comercial. Caso o comunicado de marketing contenha informações sobre quaisquer resultados relativos aos instrumentos financeiros nela indicados, estes não constituem qualquer garantia ou previsão de resultados futuros. O desempenho passado não é necessariamente indicativo de resultados futuros, e qualquer pessoa que atue com base nesta informação fá-lo inteiramente por sua conta e risco.

Os CFD são instrumentos complexos e apresentam um elevado risco de perda rápida de dinheiro devido ao efeito de alavancagem. 80% das contas de investidores não profissionais perdem dinheiro quando negoceiam CFD com este distribuidor. Deve considerar se compreende como funcionam os CFD e se pode correr o elevado risco de perda do seu dinheiro.
Gostaríamos de informá-lo(a) que de acordo com os Termos e Condições da oferta especial "Uma ação grátis para um bom começo", de 09/01/2023, foi atingido o limite estabelecido da oferta de 10.000 ações, pelo que esta promoção terminou.

Os CFD são instrumentos complexos e apresentam um elevado risco de perda rápida de dinheiro devido ao efeito de alavancagem. 80% das contas de investidores não profissionais perdem dinheiro quando negoceiam CFD com este distribuidor. Deve considerar se compreende como funcionam os CFD e se pode correr o elevado risco de perda do seu dinheiro.
Gostaríamos de informá-lo(a) que de acordo com os Termos e Condições da oferta especial "Uma ação grátis para um bom começo", de 09/01/2023, foi atingido o limite estabelecido da oferta de 10.000 ações, pelo que esta promoção terminou.